Por Carla Helena Lange, 17 de março de 2022
Tempo de leitura: 11 minutos

Gestão escolar: guia completo para o sucesso da escola

Confira nosso guia de gestão escolar para ter sucesso nas tarefas pedagógicas, financeiras, administrativas, coordenação de pessoas e muito mais.

Gestão escolar: guia completo para o sucesso da escola | Sponte

Uma escola de sucesso vai muito além de ensinar. Embora a aprendizagem seja a essência da educação, sem uma gestão escolar eficiente, não há um processo de ensino completo que atenda a todas as necessidades do estudante. 

A gestão educacional é responsável por fazer da escola muito mais do que uma simples transmissora de conhecimento. 

É preciso garantir que os alunos sejam acompanhados, que recebam refeições saudáveis e nutritivas na escola, atendimento médico, se necessário, e recebam atenção em relação à saúde mental

Leia mais: A importância de desenvolver as habilidades socioemocionais dos alunos

Além de tudo isso, há todas as tarefas relacionadas à administração, comunicação com os pais e responsáveis, registros, finanças e planejamento da gestão escolar

Pensando na grande responsabilidade do gestor escolar, preparamos este guia completo da gestão educacional para que você possa ter sucesso no seu trabalho. Aqui você vai encontrar: 

Aproveite a leitura!

O que é gestão escolar?

Em palavras simples, trata-se de gerenciar os assuntos de uma escola. Mas, na prática, a gestão escolar não é tão simples assim — é preciso levar em conta todos os aspectos de uma escola: políticas, recursos materiais e humanos, programas, atividades, equipamentos e a comunidade escolar. 

Além disso, a gestão escolar é a grande responsável por motivar professores e alunos, o que aprimora a qualidade do ensino. De modo geral, é fazer com que a escola tenha mais eficiência nos processos, melhore o ensino e mantenha tudo em ordem.

É parte também da gestão escolar estimular que os pais e responsáveis participem da vida escolar dos estudantes. Esse trabalho e todos os outros do gestor escolar são focados em orientar a busca por resultados e fortalecer a participação dos alunos, dos professores e da comunidade escolar.

Você quer entender melhor esse trabalho na prática? Continue a leitura: 

Por que a gestão das escolas é tão importante?

Para entender a importância da gestão escolar em uma instituição, você precisa conhecer suas principais características, que são responsáveis pelos resultados tão imprescindíveis. 

Como são muitas atividades de relevância, tanto na aprendizagem quanto no desenvolvimento social dos alunos, a gestão escolar precisa ter como principais atributos: 

  • Atividades focadas em objetivos: todas as atividades da gestão escolar devem ser baseadas em um propósito. Por exemplo: melhorar os resultados dos alunos e proporcionar conhecimento cultural, a depender do contexto.
  • Organização: métodos, recursos e condições agradáveis para o estudo e cumprimento dos planos pedagógicos, devem ser extremamente organizados para que os objetivos educacionais sejam cumpridos.
  • Dinamismo: a gestão educacional precisa acompanhar as mudanças da educação. Por isso, ela não pode ser rígida e conservadora. Caso contrário, a escola perde alunos para outras instituições que se mantêm atualizadas e oferecem um ensino mais dinâmico. 
  • Bom relacionamento com a comunidade: a escola precisa dialogar com a comunidade escolar para alcançar seus objetivos e ter um bom relacionamento com todos. 

Juntos, esses atributos justificam a importância da gestão escolar em sua escola, isso porque são responsáveis por: 

  • Proporcionar uma vida social aos alunos.
  • Preparar os estudantes para conviver em grupo.
  • Aproximar a escola da comunidade.
  • Aprontar os estudantes para seguirem uma vocação de acordo com interesses e habilidades individuais.
  • Oferecer um ambiente saudável para a aprendizagem.
  • Permitir que os professores se concentrem no ensino.
  • Incentivar os alunos para que eles se tornem mais responsáveis.
  • Tomar decisões estratégicas para o bem da comunidade escolar.
  • Cumprir com os propósitos da educação.

Para dar conta de todas as demandas e administrar uma escola de forma bem sucedida, é preciso se aprofundar em estudos sobre o assunto e em pilares que tornam a gestão mais eficiente. Por isso, continue a leitura para entender quais são os pilares da gestão educacional: 

Gestão escolar: guia completo para o sucesso da escola | Sponte

Quais os pilares da gestão educacional?

Gerenciar uma escola não é uma tarefa simples. Por isso, separamos aqui alguns tópicos para que você, gestor, saiba onde focar seus esforços e manter tudo sob controle. Confira: 

Plano pedagógico focado em autonomia

Um diretor escolar deve possuir conhecimento e habilidades para organizar o ensino e o ambiente onde atua. Isso porque, suas ações, quando bem direcionadas e com fundamento teórico, podem melhorar o aprendizado de todos os alunos e o trabalho dos professores, também parte da gestão pedagógica.

O ensino aplicado nas escolas precisa ser baseado no protagonismo do estudante. A instituição — e o gestor — devem proporcionar a participação, promover o pertencimento e estimular a autonomia dos estudantes. 

Os planos pedagógicos têm grande responsabilidade nesse percurso, uma vez que traçam processos de ensino e aprendizagem que permitem esse protagonismo. 

Leia mais: Gestão pedagógica: o que é e como fazer

Embora seja um assunto bastante debatido, estruturar uma escola que realmente ofereça espaço para a autonomia do aluno é um grande desafio para a gestão escolar. Para que isso aconteça de maneira eficiente, são necessárias horas de estudo e planejamento de estratégias que respeitem as individualidades e aptidões dos estudantes.

Por fim, é importante, para uma boa gestão pedagógica, atividades como: conduzir o avanço do processo socioeducacional, promover melhorias que permitam o aprendizado efetivo dos estudantes, executar e priorizar as ações que gerem os melhores resultados. 

Para garantir o bom funcionamento dessa área da gestão escolar, é preciso trabalhar em conjunto com o administrativo e financeiro. 

Assim, é possível que se tenha pessoas motivadas a melhorar seu desempenho em atividades diárias, bem como passam a contar com mais recursos para investir em melhorias e prover um ensino cada vez mais dinâmico e de qualidade.

Administração e estratégias compartilhadas

O trabalho em grupo entre os alunos é incentivado na grande maioria das escolas. Mas, na prática, o próprio gestor nem sempre é preparado para trabalhar em grupo com seus colegas. 

Esse é um importante pilar da gestão escolar que você deve direcionar esforços:  trabalho em grupo, compartilhamento de ideias e divisão de tarefas. 

Não somente para conseguir um excelente resultado, mas também para preservar a saúde mental do gestor escolar, é importante nunca trabalhar sozinho. 

Leia mais: Mindfulness e inteligência emocional: por que professores e gestores precisam disso?

Nossa dica para essa etapa, em parceria com a gestão pedagógica, é construir um projeto político-pedagógico em que toda a comunidade escolar esteja envolvida, para que a instituição saiba quais são suas dores e necessidades que deverão ser solucionadas e, assim, traçar estratégias.

Além disso, engajar a comunidade escolar é fundamental para que diferentes perspectivas possam contribuir na construção do documento (PPP). 

Dessa forma, além de conseguir melhores resultados, a administração e a estratégia da escola não ficam sob única responsabilidade do gestor escolar, que muitas vezes já está sobrecarregado.

Leia mais: Como elaborar um projeto político-pedagógico de forma estratégica

Gestão escolar: guia completo para o sucesso da escola | Sponte

Incentivo e gestão de pessoas

Um dos pilares do trabalho da gestão educacional é identificar os gargalos e os problemas com a equipe, para sempre buscar formas de mantê-la motivada. Isso faz parte da gestão de pessoas. 

Sem esse acompanhamento, a tendência é que os professores e demais colaboradores da comunidade escolar fiquem desmotivados com o tempo, e a educação siga no “piloto automático”, sem práticas reflexivas, mudanças e melhorias.

Para evitar esse problema, o gestor deve: 

  • Oferecer feedbacks constantes
  • Acompanhar as metodologias utilizadas em sala de aula e propor transformações metodológicas para manter os alunos engajados
  • Compartilhar todas as decisões institucionais com os envolvidos
  • Incentivar a formação continuada de professores
  • Ofertar um bom plano de carreira para docentes
  • Oferecer a escuta ativa e auxílio para resolver quaisquer situações

Gestão financeira e organização dos recursos

Manter a gestão financeira em boas condições é primordial na gestão escolar. 

O primeiro passo é analisar em detalhes a situação financeira da escola. Avalie o mercado, faça o levantamento de despesas e trace previsões de entradas. 

Com essas ações realizadas periodicamente, você terá maior controle do caixa de sua escola, o que possibilitará a tomada de decisões certeiras em investimentos e outras formas de aproveitamento de recursos.

Para cumprir a boa administração da escola, você precisa de um sistema de gestão escolar auxiliando em toda organização da instituição, para não deixar passar nada e identificar rapidamente qualquer problema e já solucioná-lo. 

Com o sistema de gestão Sponte, você pode reduzir o índice de inadimplência escolar em mais de 30%, eliminando planilhas manuais e automatizando processos financeiros.

Gestão escolar: guia completo para o sucesso da escola | Sponte

Comunicação clara e frequente

A comunicação é um dos pilares mais importantes da gestão escolar. Afirmamos isso porque ela se relaciona com todos os outros pilares que citamos até aqui!

Leia mais: A comunicação entre pais e escola: o que a tecnologia tem a nos ensinar?

Organização de finanças, estratégias, gestão de pessoas, incentivo de alunos e professores, tudo isso depende de uma comunicação clara e constante. 

Para manter a escola em ordem, é necessário que o diretor escolar saiba se comunicar com sua equipe, com o ambiente escolar, promova debates e realize uma gestão democrática e participativa. 

Além disso, comunicar-se de maneira satisfatória com os pais e responsáveis é uma forma de manter uma boa imagem da instituição, uma vez que fortalece os vínculos entre escola e comunidade. 

Tecnologia como aliada

Quando falamos em novas tecnologias e metodologias ativas, não estamos falando de um futuro distante: é crucial que a partir de agora as escolas comecem a explorar as possibilidades do mundo digital.

Leia mais: Como investir em Transformação Digital na educação sem sair no prejuízo? 

O gestor escolar precisa prezar por um ensino dinâmico, interativo e tecnológico, já que a transformação digital na educação está cada vez mais evidente e presente nas escolas a cada ano em que se passa. 

Cada vez mais escolas investem em recursos tecnológicos para melhorar as condições de ensino e aprendizagem e se aproximarem da realidade dos alunos. Afinal, a transformação digital já está inclusa no mercado de trabalho. Por isso, os estudantes precisam estar preparados para lidar com a tecnologia. 

Leia mais: Metaverso e seu impacto na Transformação Digital na Educação 

Esse é o último pilar da gestão escolar preparada para o futuro: a tecnologia não deve ser uma opção, mas uma necessidade da escola. 

Leia mais: Gestão escolar digital: 7 processos que não precisam mais de papel

Quais os tipos de gestão escolar? 

Agora que você já conhece os pilares da gestão escolar, vamos ao próximo passo: escolher qual modelo combina mais com a sua escola e postura profissional. Separamos aqui as duas formas que apresentam mais resultados positivos para você conferir: 

Gestão escolar: guia completo para o sucesso da escola | Sponte

Gestão escolar democrática e participativa 

A gestão escolar participativa tem como objetivo incluir toda a comunidade escolar  — alunos, professores, funcionários e pais e responsáveis dos estudantes — nos processos de tomada de decisão, na programação de objetivos, na implementação de projetos escolares e no auxílio da execução de atividades conjuntas.

O intuito é que a comunidade escolar se reconheça como parte importante da escola e que, desse modo, possa compartilhar da responsabilidade de contribuir com o melhor desenvolvimento escolar.

Ao incluir o núcleo familiar no processo de desenvolvimento escolar, os pais e responsáveis ficam muito mais atentos ao desempenho e ao comportamento de seus filhos em sala de aula. Os alunos tornam-se mais engajados e participativos, tanto nas atividades em classe quanto nos projetos da escola.

Além de tudo isso, o gestor escolar ainda consegue efetivar o pilar da educação que citamos anteriormente: comunicação clara e frequente

Veja mais alguns benefícios: 

  • Descentralização de decisões na gestão escolar
  • Mais engajamento com alunos, pais e responsáveis
  • Desenvolvimento do pensamento crítico dos alunos
  • Diminuição da indisciplina em sua gestão escolar
  • Estímulo ao exercício da democracia por toda a comunidade escolar
  • Incentivo da coletividade na comunidade escolar
  • Amadurecimento dos participantes da gestão escolar

Se você quer começar a aplicar essa gestão escolar, confira algumas dicas de como colocá-lo em prática em nosso eBook gratuito:

Gestão escolar do futuro 

Quando falamos em gestão escolar do futuro, estamos nos referindo a acompanhar as transformações da educação. 

Melhorar o ensino, otimizar os processos, diminuir a perda de tempo com trabalho manual na secretaria, melhorar a comunicação com a comunidade escolar e muito mais! Tudo com o apoio da tecnologia e acompanhando as inovações. 

De fato, o futuro da gestão está em oferecer mais agilidade e assertividade nos processos administrativos e financeiros, eliminando burocracias e implementando novos métodos de ensino que sejam adequados ao contexto dos alunos de hoje.

Por isso, o diretor que opta pela gestão escolar do futuro precisa se preparar para ser o agente que coordena os processos internos para atingir um objetivo final. Além disso, compreender que será o responsável por conectar todos os setores da escola, garantindo que trabalhem alinhadamente.

Todos esses pontos são os elementos básicos de uma gestão escolar de sucesso hoje. Contudo, considerando os avanços tecnológicos e a transformação da sociedade, é preciso ir ainda mais longe e pensar em uma gestão preparada para os desafios de lidar com as novas gerações e para as oportunidades que surgem junto com a inovação. 

O gestor escolar preparado para o futuro precisa focar em: 

  • Educação para o crescimento pessoal
  • Tecnologia no dia a dia da escola
  • Professores digitalmente letrados
  • Alunos conectados com a tecnologia
  • Família presente e atuante
  • Processos internos digitalizados

Leia mais: O sucesso da gestão escolar depende de você: saiba como potencializar a escola

Para colocar em prática sua gestão escolar do futuro, confira o nosso guia do planejamento para escolas do futuro: 

Você se identificou com alguma dessas maneiras de conduzir a gestão escolar? Excelente! Agora, continue a leitura para entender quais as habilidades que o diretor escolar precisa desenvolver para ter sucesso em sua gestão:

Quais as principais competências que a gestão escolar precisa desenvolver para ter sucesso nas atividades?

Todas as mudanças da sociedade se refletem nas escolas e precisam ser aplicadas na gestão escolar, para que a escola se organize a fim de atender às necessidades dessa nova geração de alunos.  

Para isso, o diretor precisa ter um conjunto de competências, que englobam questões organizacionais, administrativas, de comunicação e interação, características individuais próprias e habilidades técnicas. Separamos aqui as principais: 

  • Parceria com as famílias e a comunidade escolar
  • Bom gerenciamento de recursos
  • Competência para planejar as ações da escola, principalmente utilizando o projeto político pedagógico
  • Compromisso com o aprimoramento dos professores.
  • Capacidade de engajar a equipe
  • Comprometimento com o programa pedagógico da escola
  • Proatividade para encontrar soluções
  • Inteligência emocional para momentos de crise
  • Flexibilidade para ouvir novas opiniões e concepções pedagógicas
  • Letramento digital

Com foco em desenvolver essas competências e habilidades, o diretor escolar tem uma possibilidade muito maior de ter sucesso em sua gestão, porque vai conseguir conduzir a escola e a comunidade com maestria.

Agora que você já conhece as competências necessárias do diretor escolar, continue a leitura para ter uma dica preciosa de gestão educacional de sucesso: 

Gestão escolar: guia completo para o sucesso da escola | Sponte

Inteligência para a gestão de escolas: conheça os benefícios do Sponte

Como você viu, gestão pedagógica, de comunicação, financeira e administrativa, são alguns dos pontos que os gestores das instituições de ensino devem dar atenção. É por meio deles que as escolas poderão crescer.

É em cada um desses tópicos que o software de gestão educacional da Sponte te ajuda a melhorar a sua gestão educacional. 

O Sponte é um sistema que está pronto para atender às necessidades da sua escola. Com ele, você tem uma melhor comunicação, melhor gestão financeira, melhor gestão pedagógica e muitos outros benefícios.

Na parte pedagógica, sua escola poderá contar com recursos como programação automática do diário de aulas e conteúdo, quadros de horários, registro de frequência por biometria, controle de atividades extras, sistema de avaliações configuráveis e muito mais.

Já na parte financeira, sua escola terá mais agilidade nos processos: geração de notas fiscais pelo sistema, controle de contas, controle de cheques, cartões, compra e venda de materiais didáticos e emissão de boletos bancários. Assim, você facilita o trabalho do seu time financeiro e elimina processos manuais.

Além disso, com meios diversos de pagamento, como recorrência no cartão de crédito, é possível diminuir significativamente a inadimplência da escola — nossos clientes já diminuíram em mais de 30%.

Aliás, você também tem diagnósticos em tempo real, e ainda fica por dentro de tudo o que acontece com a sua instituição, como matrículas e rematrículas, evasão de alunos, despesas e receitas, tudo isso em poucos cliques.

Além de tudo, ainda é muito fácil acessar o sistema e gerenciar com eficiência a sua instituição de ensino. 

Você não precisa mais estar na escola para ter o controle da sua gestão educacional. De um computador, tablet ou smartphone, você acessa o Sponte e de uma forma muito organizada e eficiente, consegue ver dados de qualquer lugar.

E, para melhorar a comunicação entre escola, alunos, pais e responsáveis, o Sponte ainda disponibiliza para a sua instituição o Portal do Aluno. Com ele, todos podem conferir mensalidades, gerar boletos, ver boletins e calendários escolares, fazer downloads de materiais, pesquisas, inscrições online e muito mais.

O Sponte entrega mais agilidade e eficiência para a sua escola. Você consegue acompanhar as grandes transformações da educação e ter inteligência na gestão educacional. 

Como você viu, uma importante atividade da gestão escolar é engajar as famílias a participarem da educação. Pensando em te ajudar com isso, nós preparamos para você um guia completo e gratuito. Confira: 

compartilhe:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Analista de Conteúdo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.