Ensino híbrido em escolas de idiomas e cursos livres: comece já!

Descubra como combinar as aulas presenciais com o ensino online na pós-pandemia, através da educação híbrida para o seu centro de ensino.

Por Cristopher Morais em 14 de outubro de 2020.

Os meses de pandemia, as escolas fechadas e as aulas remotas têm sido muito desafiadores para centros de ensino profissionalizante, cursos livres e cursos de idiomas. 

No entanto, esse período também deixa um aprendizado. Afinal, para manter seu funcionamento, muitas escolas precisaram lidar com as dificuldades do ensino em aulas online

Entender esses desafios da educação online possibilita uma grande inovação para o período pós-pandemia, que você já pode começar a organizar em sua escola: é o ensino híbrido.

Essa prática na escola combina as aulas presenciais com o ensino online, através de estratégias que permitem que um complemente o outro, em uma educação mais plena. Assim, o ensino híbrido é uma das principais inovações escolares do futuro.

Quer entender mais sobre essa possibilidade e implantá-la na prática em sua escola de idiomas e cursos livres? Então continue sua leitura e conheça tudo que você precisa saber sobre a educação híbrida.

Ensino híbrido: a união do “melhor dos dois mundos” no pós-pandemia

Ensino híbrido em escola de idiomas e cursos livres | Sponte

Como você certamente já sabe, “híbrido” significa misturado. É uma combinação entre duas coisas diferentes que gera algo novo: um resultado inovador, que pode ser muito interessante.

Dessa forma, a educação híbrida é uma combinação das aulas remotas com o ensino presencial, buscando levar para sua escola o melhor dos dois mundos.

Afinal, todos nós sabemos – e neste ano sentimos na pele – o quanto as aulas presenciais são importantes. Através delas o professor tem um contato maior e mais humano com seus estudantes e pode guiá-los de forma mais plena no caminho do conhecimento.

Além disso, as aulas presenciais possibilitam que sua escola de idiomas ou cursos profissionalizantes fortaleça o relacionamento com a comunidade escolar. Esse ensino cria uma sensação maior de pertencimento e estimula a interação entre os alunos no aprendizado que sua escola oferece.

Mas muitas escolas também aprenderam, durante o período de pandemia, como o ensino online pode apresentar muitas possibilidades! As aulas EAD permitem um contato mais rápido, um compartilhamento legal de informações e também o uso de ferramentas online para melhorar a educação.

Em todos os esforços para manter o engajamento dos alunos com as aulas online, foi possível aprender novas formas de ensinar e também descobrir maneiras de nos reinventarmos. Tudo no caminho de uma escola mais inteligente e de uma educação mais humana.

Assim, temos dois caminhos pela frente no pós-pandemia:

Por um lado, podemos simplesmente voltar a trabalhar de forma tradicional, com alunos presenciais, como se não tivéssemos aprendido nada durante a pandemia.

Por outro, temos a inédita capacidade de combinar aprendizados de um período difícil e levá-los para o dia a dia. É a possibilidade de criar um novo normal educacional, que combina o melhor dos dois mundos, em aulas mais completas e interessantes para os seus alunos.

E aí? Qual vai ser a sua escolha?

Como aplicar o ensino híbrido em sua escola

Esse tipo de “ensino mesclado” pode realmente transformar a sua escola, principalmente no momento de retorno ao presencial no pós-pandemia.

Mas, antes de mais nada, é preciso entender como esse ensino funciona na prática. Uma estrutura comum na educação híbrida é dividir as atividades da seguinte maneira:

  • A parte teórica dos estudos acontece em aulas online, com acompanhamento dos professores e livre compartilhamento de materiais interessantes de forma digital;
  • O estudo dos materiais, e também de aulas gravadas, acontece de forma remota, no horário que for ideal para cada aluno;
  • Debates, orientações e compartilhamento de conteúdos podem acontecer em ambientes presenciais ou virtuais, de acordo com a organização do professor;
  • As atividades práticas e trabalhos em grupo acontecem, preferencialmente, em aulas presenciais;
  • As avaliações são divididas, dependendo do seu formato. Elas podem ser feitas de forma online, mas muitos professores preferem a aplicação presencial.

Note que, com essa organização, não há uma separação muito grande entre o que é presencial e o que é online. Parece meio misturado, não é? E é exatamente esse o objetivo!

O ensino híbrido precisa ter uma integração do presencial com o digital, sem uma barreira entre eles. Assim, a comunidade escolar, como um todo, entra nessa forma de aprendizado mais plenamente.

Mas, para isso funcionar, é preciso ter uma gestão eficiente dessas aulas. Preferencialmente contando com um software de gestão escolar integrado à ferramenta de aulas online – como é o caso do Sponte:

Conheça mais: Aulas online com o sistema Sponte.

Além disso, é fundamental ter uma boa conexão entre teoria e prática e incentivar o aluno a ser protagonista do aprendizado, reunindo conteúdos e compartilhando-os com a turma.

Tudo isso deve combinar três etapas: 

  • A aprendizagem individual, em que seu aluno absorve os conteúdos compartilhados pelo professor, estuda em contato com o idioma ou com práticas profissionais e compreende a teoria;
  • A aprendizagem em time, quando o conteúdo aprendido pelos alunos é compartilhado, em atividades em grupo, debates e apresentações;
  • A aprendizagem mediada por professores experientes, com orientações, aulas e atividades práticas presenciais.

Para conseguir esse objetivo, conte com gravação de videoaulas, tecnologias digitais e diferentes metodologias pedagógicas ativas.

Mas lembre-se: não adianta querer alcançar tudo isso sem preparar seus professores para o ensino híbrido. A capacitação do corpo docente deve ser o primeiro passo na aplicação dessa nova forma de aprendizado.

Quais as vantagens práticas de combinar o ensino online com as aulas presenciais

Ainda não está convencido das vantagens de contar com o ensino híbrido? Então preparamos uma lista com os principais benefícios que sua escola vai ter, caso adote esse sistema.

O ensino certo para as novas gerações

Ensino híbrido em escola de idiomas e cursos livres | Sponte

A geração que nasceu a partir dos anos 2000 tem um contato muito grande com a tecnologia praticamente desde o berço! E esse contato está aumentando cada vez mais, principalmente nos últimos 5 anos.

O contato de uma criança com smartphones, por exemplo, está acontecendo super cedo. Elas estão vivendo na pele a evolução tecnológica e se desenvolvendo com ela.

Isso tem seus pontos negativos. Preste atenção na sua escola: é muito mais difícil manter a atenção de uma criança ou de um adolescente em uma longa aula expositiva, não é? 

Afinal, esse aluno está exposto o tempo todo a uma grande torrente de informações, que vem de muitos lugares diferentes. Aí é difícil mesmo prestar atenção na aula.

É aí que entra o ensino híbrido! Por um lado, esse aluno vai ter que passar menos horas sentado em uma sala de aula. Por outro, ele vai aproveitar sua habilidade nata de usar a tecnologia para potencializar seu conhecimento!

Facilidade para lidar com imprevistos

Quando a pandemia chegou, todas as escolas que só tinham o ensino presencial sofreram um grande baque, não é? Não havia qualquer tipo de preparo para lidar com esse imprevisto e foi preciso implantar um sistema de aulas online quase de forma urgente.

Já se você tiver um ensino híbrido, isso se torna muito mais simples – e não apenas para problemas imensos como uma pandemia.

Com um bom ensino híbrido, as aulas ficam mais flexíveis. Então, caso seu professor fique doente, a escola precise passar por alguma reforma, ou qualquer outro problema do dia a dia, é possível reorganizar as aulas com facilidade.

Maior compartilhamento de conteúdos

Quem trabalha com idiomas sabe que o aluno pode se beneficiar muito do uso de séries, filmes, jogos e livros para melhorar seu aprendizado de outra língua, com atividades agradáveis. Já nos cursos profissionalizantes, esse estudante tem vantagens de contar com materiais práticos, cursos extras, entre outros.

No entanto, é difícil tirar o tempo de uma aula presencial para realmente aplicar esse tipo de conteúdo. Além disso, também é complicado para o professor encontrar algo que agrade a turma toda.

Já o ensino híbrido tem como uma de suas bases incentivar esse tipo de aprendizado ativo! O professor tem muito mais facilidade para compartilhar conteúdos e o próprio aluno pode encontrar aprendizados interessantes e levar para dividir com a turma na hora da aula presencial.

Mais autonomia e protagonismo para seus alunos

Acabamos de ver como o ensino híbrido permite que os estudantes acessem conteúdos por sua própria conta. Mas ele pode dar ainda mais autonomia e protagonismo para seus alunos.

A partir de metodologias híbridas, eles vão ter um controle sobre o ritmo de seus estudos e poderão decidir o horário e o local  em que vão acessar os conteúdos e explicações. 

Isso enriquece o aprendizado e é excelente, principalmente, para alunos adultos, que têm dificuldade de agenda para participar de muitas aulas presenciais.

Sala de aula como momento de troca, debate e orientação

Com tudo isso que já discutimos, vamos acabar desvirtuando alguns dos objetivos tradicionais da sala de aula, não é?

Mas, com uma boa gestão, isso pode ser excelente! Você vai estimular um aprendizado mais completo e a sala vai se tornar um lugar para coisas que às vezes faltavam no ensino tradicional: a troca de informações, o debate e a orientação.

Mais economia para a escola

Esta é a cereja do bolo do ensino híbrido. Com menos aulas presenciais, você vai ter muito menos gastos com espaço físico, energia elétrica, água, limpeza e outros insumos necessários para o ensino presencial.

Além disso, é possível até aumentar seu faturamento, oferecendo mais aulas sem ter de aumentar seu espaço físico.

Melhore suas aulas online

Seu centro de ensino já está acostumado com as aulas presenciais, não é? Então para superar os desafios da educação híbrida, é preciso melhorar suas aulas online!

Para te ajudar nisso, preparamos um eBook bem bacana que apresenta um guia do ensino a distância para escolas. Confira:

Cristopher Morais / Gerente de Produto

Atualmente é Gerente de Produto, com mais de 10 anos em experiência soluções inteligentes na área da educação, faz parte do time da Sponte há 13 anos.