Por Carla Helena Lange, 06 de abril de 2022
Tempo de leitura: 5 minutos

Experiência para crianças na Educação Infantil: entenda a importância

Conheça os benefícios de melhorar a experiência na educação infantil e tornar as aulas mais dinâmicas para os pequenos em sua escola!

Importância da experiência para crianças na Educação Infantil | Sponte

Trabalhar experiências com crianças é uma tarefa que requer muita atenção por parte da escola, afinal, a vida dos pequenos é construída pelas experiências que eles vivem na infância e é por meio delas que a aprendizagem acontece. 

As principais experiências acontecem em casa, com a família, e na escola, junto de seus colegas e professores. Mas para que o aprendizado aconteça de maneira efetiva, é preciso pensar em uma forma de transformar esse processo de ensino e aprendizagem em algo divertido e dinâmico. 

Pensando nisso, você deve estar se perguntando: como proporcionar uma boa experiência para crianças dentro da Educação Infantil? 

Isso é mais simples do que parece. As situações rotineiras são ricas para as crianças, e explorar o dia a dia é uma boa solução para expor a criança a experiências sensoriais, emocionais e sociais.

Então, quer aprender como proporcionar essa experiência na Educação Infantil?  Continue a leitura!

Qual é o objetivo da escola?
Qual é a importância da experiência na Educação Infantil?
Como trabalhar experiências para crianças?

Qual é o objetivo da escola?

Conforme a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, de 20 de dezembro de 1996:

Art. 1º A educação abrange os processos formativos que se desenvolvem na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nas instituições de ensino e pesquisa, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais.

Ou seja, a escola, enquanto instituição, além do ensino do conhecimento científico, também tem o papel de oferecer aos alunos uma formação social, moral e cidadã, isto é, trabalhar experiências completas para crianças.

Aliás, o papel da escola na vida das crianças não está ligado somente ao trabalho dos professores em sala de aula. Toda a comunidade escolar deve trabalhar em conjunto em busca de:

  • Garantir as condições necessárias para  que  todos  os  alunos sejam capazes de viver em sociedade.
  • Promover entre os alunos o exercício da cidadania por meio da compreensão da realidade que estão inseridos.
  • Oferecer uma formação intelectual para que o aluno consiga ingressar no mundo do trabalho.

Continue sua leitura e entenda melhor a importância das experiências na Educação Infantil e confira algumas dicas de como melhorar a maneira como as crianças aprendem em sala de aula:

Qual é a importância da experiência na Educação Infantil?

Importância da experiência para crianças na Educação Infantil | Sponte

Toda a comunidade escolar deve trabalhar em conjunto para oferecer experiências positivas aos alunos, principalmente na Educação Infantil, já que a escola é um ambiente em que a criança tem, pela primeira vez, um convívio que vai além do núcleo familiar.

Ou seja, é um período da vida muito importante para que a criança aprenda a conviver em sociedade e se desenvolva como um ser social. Por isso, os educadores devem ser cuidadosos ao lidar com os alunos. 

Além disso, em uma mesma sala irão existir crianças diferentes, por exemplo, uma criança mais aventureira e outra mais tímida. Portanto, aprender a trabalhar e lidar com experiências é importante para estimular o conhecimento e a aprendizagem de formas diferentes, de maneira que cada uma se adapte.

Ao se preocupar em melhorar a experiência das crianças, sua escola acaba desenvolvendo uma postura positiva, destaca-se perante a concorrência e evita situações ruins, como a evasão de alunos.

Você muito provavelmente já conhece o educador Paulo Freire. Segundo ele, ao longo de suas obras e falas, tratar o aluno como alguém que está na escola puramente como “receptor de conhecimento”, é um equívoco, pois é uma forma de tirar sua autonomia e liberdade.

Ainda, de acordo com a filha do educador, Madalena Freire, em sua obra “A paixão de conhecer o mundo: relato de uma professora”:

“(…) o ato de conhecer é tão vital como comer ou dormir, e eu não posso comer ou dormir por alguém.”

Por isso, as experiências na Educação Infantil devem sempre partir dessa lógica: dar autonomia às crianças. Assim, você também ajuda os alunos a se prepararem para o mundo instável e imprevisível em que estamos vivendo.

Como trabalhar experiências para crianças?

Existem diversas formas de trabalhar experiências para crianças, contando com diferentes metodologias com o apoio da tecnologia.

Confira:

Atenção nas situações diárias

É importante salientar aos professores que eles precisam dar espaço para que a criança torne sua convivência na escola uma fonte de descobertas e prazer.

O professor também não pode exigir a perfeição das crianças nas atividades propostas. A naturalidade do dia a dia dará experiências maravilhosas para elas. Por isso, é importante encorajar as suas participações e agradecê-las sempre.

Isso será essencial para motivar todos a continuarem desenvolvendo as atividades e interagindo com seus colegas. Dessa maneira, eles irão aprender coisas novas e despertar o senso de socialização! 

Desperte a curiosidade

Escolher momentos para participar ativamente da ampliação da compreensão de mundo das crianças é uma ótima opção. 

Ao observar a chuva, por exemplo, os professores podem incentivar os alunos com perguntas: “Gotinhas caindo do céu, de onde será que elas vêm?” O ideal é que eles instiguem os alunos a se interessem em ir além, realizando comparações e respondendo às perguntas que eles fizerem.

Por fim, professores podem explicar como as coisas do dia a dia dos pequenos funcionam vai torná-los ainda mais curiosos e com vontade de descobrir e aprender cada vez mais. Isso serve para tudo. 

Relembre os aprendizados do dia

Peça para que os professores conversem com os alunos sobre o dia que tiveram, o que aprenderam e o que descobriram. Isso pode ser feito no fim de todas as aulas e é até bom para que você tenha um feedback das aulas.

Eles podem desenhar, falar sobre ou escrever. Tudo depende da série em que a criança está e do seu nível de aprendizado. 

Ao fazer isso, as crianças serão estimuladas a construírem o “contar”. Ao contar e recontar um acontecimento, há a construção da memória baseada em fatos, situações e datas.

Além do mais, isso também ajuda a criança a desenvolver linhas de raciocínio para que saiba explicar coisas para as pessoas à sua volta. Algo importantíssimo para estimular a comunicação do pequeno com seus colegas, professores e familiares. 

Fortaleça a confiança

As expressões e o comportamento dos educadores são extremamente importantes na Educação Infantil. Por isso, se houver algum momento de exaltação, peça para que o professor explique para a criança o que está acontecendo.

É essencial que professores e alunos tenham uma relação que permaneça em harmonia. Isso pode ser estabelecido por meio de regras na sala e de uma rotina saudável desenvolvida pelo professor e sua turma. 

Saiba como avaliar sua turma de Educação Infantil 

A experiência na Educação Infantil também engloba a avaliação escolar, que não serve apenas para aplicar atividades em que se dão notas para o aluno. Esse é um processo que deve ser constante e fica a encargo do professor. 

É interessante que essa avaliação sirva para que os pais recebam um feedback sobre seus filhos, como está sendo a evolução e quais dificuldades apresentam. Essa análise acontece a todo o tempo em sala de aula, mas também depende das informações que os pais entregam ao professor a respeito do aluno.

É importante verificar quais as dificuldades da criança, para que isso seja desenvolvido em temas de casa e outros exercícios aplicados em sala de aula também. Esse tipo de atividade pode melhorar — e muito — a experiência do aluno em relação à escola.

Conte com as ferramentas certas

Como falamos anteriormente, o mundo vem se tornando cada vez mais digital, o que significa que ferramentas tecnológicas podem — e devem — ser utilizadas para desenvolver a curiosidade e o aprendizado de crianças durante a Educação Infantil.

Uma ótima maneira de fazer isso é a partir de metodologias ativas, para manter os alunos engajados. Elas podem ser muito dinâmicas e ideais para captar a atenção da criança para que ela aprenda de maneira divertida.

Leia mais: Transformação digital na educação: como implementar nas escolas?

Deu para entender melhor como a experiência dos alunos em relação à escola é tão importante? Até porque essa postura pela sua gestão escolar será responsável por gerar a fidelização de alunos e suas famílias. 

Quer saber mais sobre esse assunto? Então confira gratuitamente nosso eBook:

compartilhe:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Analista de Conteúdo

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.