4 dicas de como lidar com a indisciplina no espaço escolar

Aprenda algumas dicas de como lidar com a indisciplina para melhorar a gestão em sua instituição de ensino de forma simples.

Por Sponte em 19 de abril de 2018.

Como falamos anteriormente no nosso artigo sobre problemas emocionais em crianças e adolescentes, os estudantes possuem vivências diferentes e isso impacta diretamente na sua personalidade e comportamento.

Saber trabalhar com essas diferenças para manter um bom ambiente em sala de aula pode ser um grande desafio. Por isso, separamos 4 dicas de como lidar com a indisciplina no espaço escolar. Confira!

1. Pré-estabeleça regras

Numa instituição de ensino é importante adotar a cultura da prevenção. Quanto mais estratégias preventivas forem adotadas, menores serão os problemas com os quais a escola precisará lidar.

Nesse sentido, estabelecer com os alunos no início do período letivo as regras da instituição é uma ótima forma de reduzir a indisciplina no ambiente escolar. Mais do que propor as normas, a equipe pedagógica deve buscar construir junto com os estudantes as regras de boa convivência e determinar o comportamento esperado e as posturas que devem ser evitadas.

2. Instrua

Grande parte do problema de indisciplina surge, ao contrário do que muitos pensam, porque o estudante não entendeu um comando e não por que ele quer desafiar as regras.

Por isso, adotar a cultura de instruir novamente o aluno que não correspondeu ao esperado e, se necessário, reforçar as normas de conduta ao invés de tomar medidas punitivas é o ideal para manter a ordem sem comprometer a relação professor-aluno.

3. Reforce positivamente

A indisciplina do estudante pode ter origem em diferentes fatores – como problemas emocionais, falta de atenção, dificuldade para entender as regras, normas repassadas aos alunos de maneira pouco clara, etc.

Nesse sentindo, saber identificar a origem da indisciplina e procurar soluções é fundamental, bem como se atentar às boas atitudes deste aluno e mostrar que elas foram bem recebidas.

Um estudante com comportamento indisciplinar quando não é reforçado positivamente por suas boas atitudes tende a se frustrar e a continuar não obedecendo as regras.

4. Dedique-se à preparação da aula

Em alguns casos, a indisciplina em sala de aula tem origem no tédio dos alunos, gerando conversa e desvio de atenção. Por isso, é imprescindível se dedicar a preparação da aula, buscando maneiras de envolver o aluno e de utilizar métodos que dê mais autonomia ao estudante de forma que ele se torne agente ativo no seu processo de aprendizado.

Lembre-se sempre: aulas expositivas tendem a causar tédio e desvio de atenção, enquanto que aulas participativas – que exploram o universo do aluno e que utilizam diversos tipos de ferramentas pedagógicas – transformam a sala em um lugar atrativo para os estudantes, diminuindo as chances de problemas de indisciplina.

E você? Está com dificuldades para lidar com a indisciplina na sua instituição? Conhece outros métodos para controlar esse problema no espaço escolar? Deixe seu comentário e compartilhe conosco sua experiência.

Conte sempre com o Sponte, seu software de gestão educacional!

Sponte /