Tecnologia na sala de aula: 6 novidades que já estão nas escolas e suas principais vantagens

Por Sponte em 28 de junho de 2017.

Não resta dúvida de que a tecnologia é um recurso presente no dia a dia dos jovens de maneira quase integral – especialmente quando se trata de uma geração que já nasceu conectada e jamais testemunhou as barreiras entre o mundo online e offline.

Nesse contexto, surge então um novo perfil de aluno e a necessidade adaptar o ambiente escolar a essas novas demandas trazidas pelos novos recursos tecnológicos, utilizando-as a favor do ensino – já que lutar contra elas não parece mais ser uma opção.

Embora não exista um consenso sobre o tema, para muitos especialistas, a escola, de maneira geral, está atrasada e precisa se adaptar as novas habilidades e interesses dos alunos, já que o uso da tecnologia, quando bem planejado dentro do conteúdo, torna o aprendizado mais atraente e próximo, fazendo com que o jovem tenha uma atitude mais participativa em relação ao que é trabalhado em sala de aula.

Quais são as vantagens da utilização de tecnologia na sala de aula?

Sem dúvida, ferramentas como a internet e seus meios de acesso rápido, como smartphones e tablets, podem trazer ganhos consideráveis ao trabalho do professor e ao aprendizado dos alunos, desde que sejam trabalhados de forma contextual com os conteúdos obrigatórios e promovam o debate entre os alunos e o desenvolvimento de reflexões.

Para o professor, a utilização desses recursos pode aproximar e criar empatia com os alunos, que percebem o esforço do docente em se aproximar do mundo em que eles estão imersos. Além disso, o professor pode propor a expansão dos limites do conhecimento, indicando pesquisas relacionadas a novos temas que nem sempre podem ser trabalhados em sala, e potencializar o compartilhamento de informação entre os jovens, formando uma forte rede de troca onde os ganhos podem ser imensos – tanto para alunos quanto para professores.

Veja também: 8 formas de turbinar o aprendizado dos alunos

 

Quais são os recursos tecnológicos disponíveis na sala de aula?

Entre as novidades disponíveis atualmente e as que poderão ser observadas nos próximos anos, destacam-se:

1. Utilização de celulares e tablets

Esses dispositivos permitem o acesso a uma imensa quantidade de informação através de um equipamento portátil, ganhando muitos pontos na mobilidade e praticidade com que se acessa a informação, aumentando de forma significativa o leque de recursos pedagógicos.

2. Gamificação

A gamificação é a utilização da lógica dos jogos para engajar pessoas e solucionar problemas, motivando ações e comportamentos construtivos no “mundo real”. Trata-se de um poderoso recurso para otimizar o aprendizado através de missões ou desafios, colocando o conhecimento a serviço de um propósito. Entre as vantagens da gamificação para os alunos, educadores tem observado uma efetiva melhora no desenvolvimento cognitivo, colaboração, pensamento crítico e solução de problemas.

3. Ambientes colaborativos online

Espaços online que tem o objetivo de facilitar o contato e a troca de informações entre a escola e o aluno, entre os alunos, e também com outros espaços na internet – formando uma rede colaborativa em que a interação entre os usuários acontece em qualquer lugar do mundo.

4. Lousa digital

É um recurso que se populariza rapidamente no mundo todo, que consiste em uma grande tela substituta para o quadro negro convencional. Com esse dispositivo, o professor pode enriquecer a aula com vídeos, ilustrações, animações, entre outros. Além disso, os alunos não precisam se preocupar em copiar a matéria do quadro, já que o conteúdo da aula – por ser um arquivo digital – pode ser inteiramente acessado posteriormente de diversas formas.

5. E-book

Esse tipo de mídia já está presente há alguns anos – especialmente quando as principais livrarias brasileiras passaram a investir em e-readers. Além da praticidade de um arquivo digital, os e-books ainda têm a vantagem de ser gratuitos em muitos casos, pois muitas obras já estão em domínio público.

6. Aplicativos

Estão disponíveis uma infinidade de aplicativos para celulares e tablets que podem ser muito úteis no aprendizado, como apps para ensino de línguas, gestão de tempo de estudo ou ainda como apoio para vestibulandos, entre outros temas.

 

Sem dúvida, a tecnologia na sala de aula chegou para ficar e cada vez mais estará presente nas escolas, acompanhando o ritmo de aprendizado de uma geração que já nasceu conectada. A sua instituição está preparada?

Sponte /